Adoptar um estilo de vida saúdavel

Gostou? Partilhe

Trabalha na posição sentada por longos períodos?

posicao-sentada

Trabalha na posição sentada por longos períodos? Veja o vídeo educativo e tome algumas decisões para que seja ativo. O corpo e a sua saúde agradecem.

O corpo humano está programado para o movimento. Ele não foi concebido para ficar sentado durante longas horas como, atualmente, está a acontecer com o estilo de vida adotado pela grande maioria da população. Podemos evidenciar isso mesmo quando compreendemos a estrutura do corpo humano.

Dentro de nós há 360 articulações, cerca de 700 músculos para nos capacitar milhares de movimentos, muito deles bastante fáceis e fluidos. Podemos estar de pé, direitos e conseguimos contrariar a força da gravidade.

A estrutura física do corpo humano é única, mas precisa de movimento. O sangue depende dos nossos movimentos para poder circular adequadamente. As nossas células nervosas beneficiam com o movimento, a nossa pele é elástica para se moldar aos movimentos. Então, se cada centímetro do corpo está pronto e à espera que nos mexamos, o que é que acontece se não o fizermos?

Por exemplo, estar sentado muito tempo desativa temporariamente a lipoproteína lípase, uma enzima que se encontra nas paredes dos capilares sanguíneos e que decompõe as gorduras no sangue, por isso, quando nos sentamos, não queimamos gordura tão bem como quando andamos. A investigação também tem revelado que estar na posição sentada por longos períodos aumenta o risco para alguns tipos de cancro, de doenças cardíacas, diabetes e outras patologias do rim e fígado.

Murat Dalkilinç é investigador e a sua pesquisa tem como objetivos estudar os riscos que corremos pela inércia que adotámos, como é estar muito tempo na posição sentada, a trabalhar, a ver televisão por longas horas. Assista agora ao vídeo educativo de Murat Dalkilinç, partilhado no canal TED-Ed e que em apenas 5 minutos é muito esclarecedor. Disponíveis legendas em português.

A síndrome de Cogan é uma doença autoimune rara. A avaliação e o tratamento precoces revelam-se fundamentais no controlo de sintomas.
Cada um de nós, de forma individual, pode reduzir o risco da incidência de cancro do fígado. Tome nota de 3 medidas!
A Osteogénese Imperfeita é uma doença hereditária, resultando alterações ósseas, anomalias cardiovasculares e em 50% dos casos, surdez.
Neste artigo exploramos o que é o autocuidado na saúde e na doença e quais são os fatores que podem influenciar.