Yoga na conceção do bebé

A conceção e a gravidez trazem à mulher múltiplas alterações, primeiro ao nível hormonal, depois ao nível emocional, físico e mental.

O stress é um dos fatores que pode impedir a conceção. Não existem estudos suficientes acerca do stress psicológico, que permitam determinar a sua relevância sobre os níveis de infertilidade, mas há muitos indícios de que o atraso menstrual é muitas vezes motivado pelo stress psicológico.

Do ponto de vista biológico, sabe-se que o hipotálamo regula tanto a resposta ao stress, como a resposta ao estímulo sexual.

O stress em excesso pode levar à completa supressão do ciclo menstrual. Em casos menos graves, a glândula pituitária produz uma quantidade maior da hormona prolactina, podendo desregular o período menstrual.

O stress mantém os músculos em tensão, a mente e as emoções em sobrecarga, obrigando todo o corpo a estar em constante estado de alerta.

A prática regular de yoga não só previne, como ajuda a neutralizar o stress, promovendo tranquilidade, descontração e bem-estar. Mantem o corpo em equilíbrio, proporcionando um relaxamento completo do corpo e da mente. Contribui também, para a sensação de viver cada momento de uma forma plena.

Para muitas mulheres, o stress provoca tensão muscular na região pélvica, provocando ausência de movimentos com fluidez na zona da anca, dor lombar e congestionamento geral da zona inferior do corpo, incluindo tensão e dor na região abdominal.

A prática de yoga permite a total supressão destes sintomas de tensão, na zona abdominal e pélvica.

As posturas de yoga permitem trabalhar todos os músculos do corpo ao mesmo tempo, por isso é considerada como uma das formas mais completas de atividade física. Por outras palavras, a prática de uma determinada asana, numa determinada zona do corpo, acaba por beneficiar o bem-estar geral. É por este motivo que é vital manter sempre a coluna bem alongada, o peito aberto e a mente concentrada na respiração e na execução da postura.

Para eliminar ou aliviar o stress, a aula de yoga foca-se na prática de yoga restaurativo, com movimentos lentos, mantendo a postura com apoio de mantas, blocos e cintos, de modo a que os músculos permaneçam ativos e proporcionando ao corpo e à mente, uma sensação de tranquilidade e bem-estar.

Referências: Livro, “Yoga for Pregnancy & to get back into shape”, Francoise Barbira Freedman. Ed. Hermes House, Anness Publishing; “Yoga y Medicina”, Dr. Timothy McCall, Paidotribo; 1º edição (January 1, 2009). “El libro del yoga”, Swami Visnhu Devananda, Alianza Editorial, S. A., 2001
Créditos da imagem: http://www.life.hu/

Alexandra Pereira, professora de yoga através da AIPYS-Asociación Internacional de Profesores de Yoga Sananda, Espanha 2000. Licenciada em Filosofia (FLUP 1988). Mestrado em Filosofia: “A filosofia do yoga: da prática a uma filosofia de vida” ( FLUP 2019) Exerce a sua actividade profissional de professora de yoga em Vidya-Academia de Yoga do Porto (Desde 2001). Dirigiu e ministrou cursos de Formação: "Curso de Professores de Yoga" (desde 2010 a 2016) e "Curso de Monitor de Yoga para técnico de SPA" (2013). Os seus atuais interesses de investigação, relacionam-se com as doenças autoimunes e cancro, e no contributo que a prática de yoga oferece para melhorar a condição física, mental e psicológica do praticante. Curso de especialização ("Yoga for Cancer Survivors" 2013). Alexandra Pereira, yoga teacher through the AIPYS-Asociación Internacional de Profesores de Yoga Sananda, Spain 2000. Specialization course ("Yoga for Cancer Survivors" 2013). Licenciate in Philosophy (FLUP 1988). Master Philosophy: “The Philosophy of Yoga: From Practice to a Philosophy of Life” (FLUP 2019) Professional activity: yoga teacher at Vidya-Academia de Yoga do Porto (since 2001). Direted and teached training Courses: "Yoga Teacher Course" (from 2010 to 2016) and "Yoga Monitor Course for SPA Technician" (2013). My current research, is relate to autoimmune diseases and cancer, and the contribution that the practice of yoga offers to improve physical, mental and psychological well-being in student.