Figo Maduro

Passar férias no Algarve é sinónimo de, no final do almoço ou do jantar, poder deliciar-se com um morgado de figo ou um queijo de figo. São doces irresistíveis e personagens principais na doçaria algarvia depois de 500 anos de influências árabes. O seu ingrediente principal é o figo que, quando apanhado fresco, tem o período de vida mais curto de todas as frutas: uma vez colhido não dura mais de 7 dias. Por isso, a colheita do figo é, na sua maioria, feita quando já se encontra seco. Mas, o figo fresco é naturalmente doce por possuir dois açúcares simples – glucose e frutose, rodeados por outras substâncias nutricionalmente famosas e valiosas: as fibras (mucina e pectina), as vitaminas (A, B1, B2, B5, B6 e C) e ainda alberga potássio, manganésio, cobre, magnésio, ferro, sendo também uma das fontes vegetais mais ricas em cálcio (cerca de 35 mg/100 gramas).

Dois figos pesam cerca de 100 gramas, que correspondem a 74 calorias, uma boa escolha para os lanches das próximas tardes. Apresse-se! Sim, em Setembro estão murchos e prontos para secar.

Encontra-se nos figos frescos uma colecção de fitoquímicos muito diversificada, de acordo com a espécie e consequente coloração (preta, vermelha, amarela e verde) que os figos adoptam e que estão distribuídos pela pele e polpa.

Os escassos estudos sobre a composição bioquímica dos figos mostram que existem compostos fenólicos na pele dos figos: rutina, na pele dos figos de tonalidade escura e cianidina (uma das antocianinas), na polpa dos figos verdes e na pele e polpa dos figos pretos.

A cianidina, na natureza, está ligada a uma molécula de açúcar que forma a cianidina 3-O-glucosídeo, o que facilita a sua absorção plasmática, como acontece no figo. Conhecem-se os seus efeitos anti-inflamatórios, anti-obesidade, anti-diabéticos e vaso-protectores, para além da actividade anticarcinogénica já demonstrada por inúmeros estudos in vivo e in vitro.

A cianidina pode reduzir o risco de leucemia, cancro do pulmão, cólon, pele e próstata, por induzir a apoptose, inibir o crescimento e a proliferação das células cancerosas.

Também foram detectados dois tipos de carotenóides: β-caroteno e luteína.

As variedades de coloração mais escura têm um conteúdo maior de fitoquímicos, relativamente às variedades mais claras, e a pele do figo exibe maiores níveis destes compostos comparativamente à polpa.

Lave com cuidado o figo e coma tudo: a pele e a polpa.

Depois desta colecção de Verão proporcionada pela Natureza tem a apresentação da colecção Outono/Inverno apenas com um toque humano, o figo seco.

Referências bibliográficas: http://pubs.acs.org/doi/abs/10.1021/jf060497h; http://eprints.uniss.it/1556/

Margarida Vieira, nutricionista, licenciada em Ciências da Nutrição (FCNAUP-1991), mestre em Nutrição Clínica (ISCSEM-2008). Doutorada em Estudos da Criança, na especialidade de saúde infantil pela Universidade do Minho. Membro efetivo da Ordem dos Nutricionistas com a cédula profissional nº 0052N. Investigadora na Fundação para a Ciência e Tecnologia (2011-2015). Membro do Centro de Investigação em Estudos da Criança – CIEC. Desenvolve a sua atividade na Investigação e na área da Nutrição Clínica. É autora e coordenadora de projectos de prevenção primária na área da saúde, bem como na organização e dinamização de seminários sobre hábitos alimentares saudáveis, predominantemente em ambiente escolar. Os seus atuais interesses de investigação, são no domínio da promoção e da comunicação para a saúde, na prevenção do cancro e de outras doenças crónicas. Responsável pela conceção e coordenação de campanhas para a prevenção do cancro. Trabalhou no Marketing Farmacêutico e especializou-se em Gestão e Comunicação da Marca (IPAM – 2003). Autora e fundadora do Stop Cancer Portugal, adotar um estilo de vida saudável. Usa o novo acordo ortográfico. Margarida Vieira, nutritionist, is PhD in Child Studies of the University of Minho. Member collaborator of the Research Centre for Child Studies - CIEC. 
She is author and coordinator of projects for primary prevention in health care as well as in the organization and promotion of workshops on healthy eating habits in the schools. Her current research interests are cancer prevention and other chronic diseases and health communication.
 Responsible for the design and coordination of the awareness of campaigns for the prevention of cancer. Worked in Pharmaceutical Marketing and specializes in Brand Management and Communication. Author and Founder of Stop Cancer Portugal Project.