Adoptar um estilo de vida saúdavel

Lar doce lar

lar-doce-lar

Grande parte da nossa vida é passada em casa – mas o que distingue a casa de um lar? Faça uma reflexão sobre isso.

O poder da gratidão

o-poder-da-gratidao

O que é a gratidão? Que efeitos tem? Neste artigo tentamos responder a estas questões e exploramos formas de evocar a gratidão.  

A saúde e os espaços

a saúde e os espaços,

Será que o ambiente hospitalar tem algum impacto na saúde física e mental dos doentes? Haverá alguma influência na recuperação dos doentes internados?

Férias, momento de limpeza

férias, momento de limpeza,

As férias são um momento de paragem, de reflexão e de se ter um tempo só para nós. É tempo de ver o que ganhamos e o que perdemos.

O Direito à Preguiça

direito à preguiça, liberdade,

Quantos de nós se sujeitam a condições pouco dignas para realizar esse trabalho? Quantos de nós fazemos esse trabalho com prejuízo da própria saúde?

A Força das Palavras

palavras, força das palavras,

As nossas palavras podem ser, tranquilizantes, stressantes, clarificadoras, motivantes, analgésicas e decisivas. Porém, ao pronunciá-las, desconhecemos a sua repercussão, porque depende de quem as escuta, do momento, dos gestos que as acompanham e de muitos outros aspectos subtis, indivisíveis e inconscientes.

Escutar

escutar, escutar o paciente

Para escutar é necessário silêncio. Num ambiente ruidoso ouvir o outro resulta numa tarefa impossível. Mas o ruído que nos impede de chegar às palavras do outro nem sempre é externo, é mais entorpecedor o interno.

Felicidade no Fim da Vida

Felicidade no fim da vida

A felicidade, de acordo com o pensamento budista, não é desejar nada do passado nem esperar nada do futuro; viver o presente, aqui e agora. No entanto, numa cultura como a nossa pode ser difícil para o doente oncológico.

O Sofrimento e o Tempo

sofrimento, percepção do tempo

É difícil avaliar de forma precisa o sofrimento de outra pessoa. A única maneira de avaliar o sofrimento é perguntar ao doente. Mas perguntar o quê?

Para ser grande, sê inteiro.

Para ser grande, sê inteiro, escreveu Ricardo Reis. É neste contexto que a minha reflexão começa: vivermos inteiros e presentes em cada momento.

Aceitação ou resignação?

Não é fácil falar de aceitação. A ideia de aceitar algo faz-nos sempre pensar em conformismo, frustração, submissão, desistência. E não é assim que nós concebemos o mundo nem a existência humana.

O Ótimismo Trágico de Viktor Frankl

O que significa ver a vida com um otimismo trágico? O que nos leva a manter a esperança, a sanidade mental, sobrevivendo em circunstâncias extremas?