Adoptar um estilo de vida saúdavel

Gostou? Partilhe

Como mantemos a motivação?

como-mantemos-a-motivacao

Estar motivado para alcançarmos um determinado objetivo pode parecer simples, mas manter a motivação a longo prazo para atingir o resultado que desejamos, pode tornar-se bem complicado. Como mantemos a motivação?

Os psicólogos definem motivação como o desejo ou ímpeto para iniciar e manter um determinado comportamento. É a força que nos impele a atuar e atingir um objetivo.

Definir metas e atingi-las, concluir tarefas que levam aos resultados que pretendemos ou melhorar hábitos de vida são ações que necessitam de motivação. Compreender quais são os mecanismos da motivação e como podemos fortalecê-los pode contribuir para que a motivação se mantenha constante e facilitar a conclusão de tarefas e objetivos.

A força da motivação provem de razões internas e externas, gerando dois tipos de impulso, que os especialistas chamam de motivação intrínseca e motivação extrínseca.

Na motivação intrínseca, a participação é a principal recompensa ou uma determinada tarefa não representa uma obrigação, pelo contrário dá felicidade e realização pessoal. Na motivação extrínseca, na realização de uma tarefa procura-se um reconhecimento, um elogio ou um agradecimento.

Assista ao vídeo educativo, dirigido por Magali Garcia para o canal TED-Ed sobre como mantemos a motivação.  O video explica porque razão a motivação é tão inconstante, explora os conceitos de motivação intrínseca e extrínseca e como é que essas forças criam ação ou não. Estão disponíveis legendas em português.

Referências: Morris, L. S., Grehl, M. M., Rutter, S. B., Mehta, M., & Westwater, M. L. (2022). On what motivates us: a detailed review of intrinsic v. extrinsic motivation. Psychological medicine, 1-16.
A prática de yoga conduz o praticante a uma perceção de quem é. Conheça algumas verdades sobre o yoga e avalie os benefícios da sua prática.
Neste artigo exploramos o que é o autocuidado na saúde e na doença e quais são os fatores que podem influenciar.
O diagnóstico de uma surdez genética não-sindrómica é feito a partir de testes genéticos moleculares. Saiba mais sobre o tema.
O Código Europeu Contra o Cancro descreve medidas para que cada um possa adotar e reduzir o risco de cancro. Conheça as 12 medidas.