Autoexame da cavidade oral: aprenda como se faz!

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter

O autoexame da cavidade oral é considerado um método simples e bastante eficaz no diagnóstico precoce do cancro oral.

O cancro oral tem vindo a aumentar a sua incidência e, atualmente, ocupa o sexto lugar da lista dos dez cancros mais comuns.

O tabaco, o álcool são dois dos principais factores de risco para o desenvolvimento cancro oral e são responsáveis por 20 a 30% de todos os casos. Os grandes fumadores que consomem bebidas alcoólicas de modo crónico têm o risco aumentado em 38 vezes de desenvolver cancro oral, comparativamente com as pessoas que não têm estes hábitos crónicos.

As aftas recorrentes por candidíase e a infeção oral pelo vírus do papiloma humano (HPV) também estão associadas ao risco de desenvolver cancro oral.

Se não tem por hábito observar a boca, faça-o! Examine a sua boca periodicamente. Veja com atenção lábios, língua, gengivas e palato. Observe a cavidade oral cuidadosamente para detetar atempadamente quaisquer alterações ou lesões, de modo a prevenir as lesões pré-malignas ou patologias oncológicas em fases iniciais.

Veja agora o vídeo e aprenda como se faz a avaliação das diferentes áreas da boca, permitindo um autoexame da cavidade oral completo.

Referências: Petti, S. (2009). Lifestyle risk factors for oral cancer. Oral oncology, 45(4), 340-350.; Brocklehurst, P., Kujan, O., O’Malley, L. A., Ogden, G., Shepherd, S., & Glenny, A. M. (2013). Screening programmes for the early detection and prevention of oral cancer. The Cochrane Library. Video: André Brandão de Almeida; Photo credit: http://www.dochopkins.com/services/oral-cancer-screening/

Sobre Stop Cancer Portugal

Estar informado sobre como prevenir o cancro é o primeiro passo para garantir uma vida plena de saúde. Está pronto para começar? Concentre-se na prevenção, é saúde a longo prazo.