Calorias: pequenas peças de um puzzle gigante

Share on Facebook160Share on Google+0Tweet about this on Twitter

Quando se fala em alimentação saudável, sobretudo no contexto popular dos chamados regimes para se perder peso, geralmente a conversa não vai além do tema das calorias, limitando-se muitas vezes a: “tem mais calorias”, “tem menos calorias”, “é pouco calórico”, “é muito calórico”; mas, tão depressa é assim como, abruptamente, se salta para o campo banal das receitas, as ditas saudáveis. Portanto, parece que a ciência da alimentação saudável é como uma via de dois sentidos, pois é assim que é tratada: anda-se das calorias para as receitas de culinária e depois volta-se ao mesmo. E fica o assunto discutido! Mas não, não é bem assim.

Estar informado sobre quantas calorias pode ter um alimento, um produto ou a refeição que selecionamos, não basta para se fazer uma escolha correta ou optar pelos alimentos adequados quando se seleciona um lanche ou o jantar da família.

Contar calorias não é a melhor solução

Quando centramos a nossa atenção nas calorias, elas são apenas pequenas peças de um puzzle gigante. O número de calorias de uma refeição não promove por si só uma escolha adequada; muito menos elimina a hipótese de cometer erros alimentares e não evita os consumos nocivos, quer por excesso ou por escassez.

Emma Bryce descreve, de um modo muito simples, o que são calorias e qual é a utilidade da informação que elas encerram, colocando-as no seu contexto – o vasto campo da nutrição e a sua relação com a fisiologia humana, o que aumenta a complexidade, mas completa o tal puzzle gigante.

Veja o vídeo no canal TEDEd, aqui legendado em português e compreenda melhor: contar calorias não é a única via e nem é sequer uma solução.


Créditos da imagem: http://www.wellness85034.com/calories-what-calories-are-and-why-you-need-them/
Margarida Vieira

Sobre Margarida Vieira

Margarida Vieira é nutricionista e doutoranda em Estudos da Criança, na Universidade do Minho. Os seus interesses de investigação estão centrados na promoção e comunicação para a saúde e na prevenção do cancro. Autora e fundadora do Stop Cancer Portugal - adotar um estilo de vida saudável.