Como devemos praticar yoga?

Share on Facebook169Share on Google+0Tweet about this on Twitter

Quando nos dirigimos pela primeira vez a um centro de yoga, somos assaltados por uma série de dúvidas. O que vestir? Que calçar? O que fazer?

É tudo muito simples. Vejamos:

O vestuário indicado deve ser uma roupa leve, que não impeça os movimentos e com a qual nos sintamos confortáveis. O yoga deve ser praticado descalço. No inverno poderá usar um par de meias antiderrapantes, para fazer os primeiros exercícios da aula, mas quando começar a praticar as asanas (posturas) deverá retirar as meias, para um correto apoio dos pés.

É conveniente não comer nas duas horas anteriores à prática de yoga (no caso de uma refeição ligeira) e guardar um mínimo de três a quatro horas para uma refeição mais pesada. Também não deverá comer nos primeiros 30 a 60 minutos a seguir a uma aula de yoga. Não se deve praticar yoga nem com fome nem com sede. Pode beber um pouco de água antes da aula, mas evite levar uma garrafa de água para dentro da sala de aula. Acredite que não vai precisar….vai aprender a respirar pelo nariz.

É recomendado tomar banho, apenas nos trinta minutos seguintes à prática. O ideal será esperar cerca de uma hora, para tomar banho e tratar da sua higiene pessoal. A razão prende-se com o nível de energia que o corpo adquire na prática do yoga e é conveniente deixar essa energia estabilizar.

O yoga deve ser praticado apenas respirando pelo nariz. As cavidades nasais filtram, aquecem e humidificam o ar, não permitindo a inalação de partículas contidas no ar que se inspira. Ao inspirar, os pelos do nariz retêm as partículas contidas no ar e ao expirar pelo nariz, essas mesmas partículas acabam por ser expulsas.

Os ambientes dos centros de yoga devem ser tranquilos e acolhedores, convidando desde o início a uma certa introspeção. O mais importante da prática de yoga, é você mesmo. Toda a atenção vai estar centrada na sua pessoa e por isso não é aconselhável a presença de elementos externos, tais como música, cheiros intensos, ou iluminação forte.

Quando se pratica yoga, o mais importante é respeitar o seu corpo, centrar a sua atenção no corpo e fazer as asanas (posturas) de acordo com a sua capacidade.

O yoga deve ser praticado com atenção plena na respiração, na capacidade física e na capacidade de concentração, sincronizando respiração e movimento. Esta prática vai permitir que lentamente se descubra, se invente e se renove, aumentando de forma significativa a auto-estima, a auto-confiança, a tranquilidade e o bem-estar em geral.

O yoga não é uma mera atividade física é acima de tudo uma forma de saber estar.

Fontes de Informação: “El Nuevo Libro del Yoga” Ed. Integral, Centro Sivananda, “El libro del Yoga”, Ed Alianza Editorial, Swami Vishnu Devananda.

Alexandra Pereira

Sobre Alexandra Pereira

Alexandra Pereira é professora de yoga certificada pela Asociación Internacional de Profesores de Yoga Sananda (AIPYS). Acredita que a prática de yoga pode oferecer uma melhoria da condição física, mental e psicológica do praticante.