Carnaval! Dance noite e dia

carnaval-dancaHá quanto tempo não dá um pezinho de dança e faz a vontade ao seu corpo? Pernas, braços, ombros, costas, barriga, ancas e até a cabeça, tudo mexe.

Dançar contagia o corpo todo, principalmente ao som da música que gostamos. O Carnaval e o característico samba podem ajudá-lo a ganhar motivação para voltar a dançar, ou mesmo acordar um sonho antigo, o de aprender a dançar aquelas músicas mexidas e irresistíveis nas quais se incluem as danças latino-americanas. Porque não aproveitar este momento, inscrever-se numa escola de dança e adquirir uma boa forma física?

Dançar é como dizer ao corpo que não o esquecemos. Dê-lhe o devido valor! E a melhor forma de o fazer é praticar aquilo para que foi criado: o movimento, fazendo actividade física, mesmo a dançar. O exercício físico melhora a fisiologia, no geral, através de inúmeros mecanismos. Alguns exemplos: reduz a quantidade de tecido adiposo, restabelece o equilíbrio hormonal, reduz o nível de açúcar na corrente sanguínea; diminui o nível das citoquinas, os mediadores responsáveis pelos processos inflamatórios de doenças, como o cancro, a diabetes e as doenças do foro cardiovascular. Também interfere na secreção de insulina e tem um efeito directo nas defesas imunitárias. Quer mais razões para dançar?

Convide o seu grupo de amigos e passe uma noite alegre de Carnaval! Faça um investimento na sua saúde e … porque não ter aulas de dança durante a semana ?

Ref. Bibliográfica: Warburton DE, Nicol CW, Bredin SS. Health benefits of physical activity: the evidence. CMAJ. 2006 Mar 14;174(6):801-9. Review.

Margarida Vieira

Margarida Vieira, nutricionista, licenciada em Ciências da Nutrição (FCNAUP-1991), mestre em Nutrição Clínica (ISCSEM-2008). Doutorada em Estudos da Criança, na especialidade de saúde infantil pela Universidade do Minho. Membro efetivo da Ordem dos Nutricionistas com a cédula profissional n (...)